Nampula – Guia de Viagem Por Moçambique

Nampula – Guia de Viagem Por Moçambique

COMPARTILHE

Hoje vamos dar uma passada rápida por uma Província rica em paisagens, passado histórico e posicionamento estratégico, reflectidos nas cidades de Nampula, Ilha de Moçambique, Angoche e Nacala, um dos melhores portos naturais de África.

Primeiro vamos ver algumas informações úteis a serem tomadas em conta antes de começarmos com a nossa viagem.

Superfície: 78.197 km2

Limites

Norte: Cabo Delgado e Niassa
Sul: Zambezia
Oeste: Zambezia
Este: Oceano Índico
Densidade Populacional: 38 habs/ km2

Etnia Representativa: Macua.

Principais Produções

Cajú
Algodão
Tabaco
Urânio
Pedras preciosas

Capital: Cidade de Nampula

Nampula é a capital da província de Nampula, no norte de Moçambique , cercada por planícies e afloramentos rochosos. A cidade é bem suprida de lojas, bancos, hotéis e restaurantes, lugares históricos e vários pontos turísticos.

Vista Parcial - Cidade

Como Chegar

Existem voos que ligam Nampula a vários destinos de Moçambique e do estrangeiro. Há um pequeno aeroporto localizado a 4 km de distância da cidade, que pode ser alcançado à a pé (com um pouco de disposição).

Um comboio diário (excepto às segunda-feira) parte Cuamba (não muito longe da fronteira com o Malawi) para Nampula. O comboio sai às 05:00 e leva 10-12 horas para chegar a Nampula.

Os auto-carros da Ilha de Moçambique (Ilha de Moçambique) partem entre às 03:00-05:00 (3-4 horas da mana). Mais tarde, você pode pegar um transporte de Monapo, onde chapas regulares conectam a Nampula. A terminal de chapas está localizada a cerca de 5 minutos da estação de comboio, no caminho para o aeroporto.

Gastronomia

A culinária de Nampula e da Ilha de Moçambique, em particular, tem receitas variadas e muito ricas. Tem influência da cozinha oriental, do Norte de África e até da Europa o que faz criara deliciosos sabores que só em Nampula pode ser apreciados.

Para Comer

  • Recomendamos o Copacabana em frente ao Tropical Hotel. Bom marisco. Cervejas e vinhos Fria. Pitorescos. Você encontrará homens e mulheres de todo o mundo lá!
  • O restaurante do Tropical Hotel também é bom, mas com menos opções.
  • O restaurante do hotel Girassol é um dos melhores restaurantes da cidade, com um bom pequeno almoço, almoço aos domingos e buffet de sobremesas.
  • O Sporting é um bom lugar para comer (quando não está a chover). É um óptimo lugar para assistir a eventos desportivos pela televisão.

Onde Dormir?

  • Residencial Karuthakka: Rua 3 Fevereiro. Uma nova pousada, bem económica.
  • Residencia Monte Carlo: Rua Cidade de Moçambique. Um dos lugares mais baratos em Nampula.
  • Pensão Parque: Avenida Paulo Samuel Kankhombe (próximo ao Residência Monte Carlo).
  • Casa de Hóspedes Mira Flor: Av. do Trabalho. Muito básico, com dois ou três quartos, localizado quase em frente à terminal de autocarros s e a 5 minutos a pé da estação de comboios.
  • Milenio: Av. 25 de Setembro. Tem a melhor comida indiana disponível no Norte de Moçambique.
  • Girassol: Av. Eduardo. Mondlane. Quartos confortáveis ​​com A/C. Acesso gratuito à Internet. Excelente café da manhã. No mesmo edifício você pode encontrar o café Atlântico para um bom café e lanches
  • Tropical: Rua Macombro, aposto ao Restaurante Copacabana.
  • Lúrio: Av. daIndependência. Limpo e moderno hotel no centro da cidade.
  • Hotel Nampula
  • Hotel Bamboo Nampula
  • Complexo Turístico Napala Nacala
  • Complexo Turístico Fim do Mundo Mongicual
  • Complexo Turístico Bay Divining Nacala
  • Complexo Turístico Namaralo
  • Complexo Turístico Jamila
  • Pousada da Ilha de Moçambique
  • Pousada Namialo
  • Residencial Brasília Rua dos Continuadores
  • Residencial Expresso
  • Residencial D. Loieque Mongicual
  • Residencial Bela Vista Cidade Alta
  • Nacala PortoLodge

De referência obrigatória é a Ilha de Moçambique

considerada pela UNESCO, em 1991, Património Mundial da Humanidade.
A Ilha de Moçambique tem cerca de 3 km de comprimento e tem um fantástico património arquitectónico dividido em duas partes: a “cidade de pedra” e a “cidade de macuti”.
A capital administrativa é Nampula. A cidade tem cerca de 300 mil habitantes e é conhecida como a Capital do Norte. A cidade tem origem militar, ainda mantém esta característica e no seu património destaca-se o Museu de Etnografia e a Catedral Católica de Nampula.

Mussiro
Mulher Pintada de Mussiro, um “cosmético tradicional” caractérístico do local

A província de Nampula é tradicionalmente conhecida como a terra das “muthiana orera” ou, simplesmente, meninas bonitas. As mulheres daquela região do país possuem uma técnica que lhes é peculiar de tratar da pele, desde tenra idade, com recurso a uma espécie florestal bastante procurada, denominada mussiro, uma planta que consta da lista das que devem ser preservadas e multiplicadas e que, regra geral, são usadas pelas comunidades para cura de diversas enfermidades, bem como para fins decorativos.

COMENTE PELO FACEBOOK

2 COMENTÁRIOS

  1. ola jose gostei muito do post deu para conhecer um pouco mas de Nampula, e uma pena que nao indicaste nomes de alguns restaurantes que fazem comida tipica la, mas alem disso foi muito bem informativo.

  2. adorei a pagina, fala um pouco mas o essencial a cerca deste ponto do Pais que e’ a provincia de Nampula. Parabens pelo trabalho do autor da pagina, espero que nao pare por aqui e continue a levar o nosso Pais de alguma forma ao reconhecimento mundial.

DEIXE UMA RESPOSTA