Xamboku

Xamboku

COMPARTILHE

A Cidade de Maputo, “el-dorado de Moçambique”, nos últimos anos registou uma presença massiva de moçambicanos vindos de outros cantos do país para nela instalarem-se.

A migração interna se deve à necessidade de melhorar as condições de vida, pois trata-se de pessoas que não têm níveis académicos básicos e desempregadas.

Na sua maioria, trabalham como domésticas e vendedoras ambulantes. E, estas últimas, ou andam pelas ruas e avenidas, ou encontram em alguma esquina espaço para biznarem cenas.

Eis que, na manhã de hoje, deparei-me com uma delas varrendo o passeio no qual coloca os produtos à bizne, e aí, apenas lembrei-me da importância de manter a cidade limpa! “… e depois vêem aqui e pensam que estamos a robar…”. E perguntei-me: será que ela trabalha para o município, que quando se recorda dela roça-a violentamente com xamboku?!

Autor: Emmanuel Mocinha = Emídio Massacola

COMENTE PELO FACEBOOK

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA