Zena Bacar revela que padeceu de doenças mentais

Zena Bacar revela que padeceu de doenças mentais

Zena Bacar Ali, uma cantora incontornável da música moçambicana – rosto da banda Eyuphuro, que faz parte da nata dos artistas que, mesmo sem recursos e pouca liberdade de expressão, influenciaram o desenvolvimento da música moçambicana.

Zena Bacar nasceu aos 25 de Agosto de 1949 na capital do norte, ou melhor, na província de Nampula, e começou a cantar desde os seus 6 anos de idade e oficialmente em 1980.

A cantora contou que seu filho morreu envenenado, quando viajou para Portugal com o intento de passar a sua lua-de-mel, uma vez que acabava de se casar. Foi nesse mesmo dia que ele foi assassinado.

“A perda do meu filho trouxe-me consequências desastrosas, dentre elas, a doença mental de que padeci e a paragem da minha carreira artística durante um tempo significativo. A minha família fez de tudo e mais um pouco para encontrar uma solução. As medicinas tradicional e moderna não foram eficazes para a minha doença, depois de um tempo de desespero, só a igreja é que conseguiu me curar. Agradeço imenso a Igreja por me tercurado”, revelou num tom eufórico.

Zena Bacar considera-se uma mulher comprometida com a música pelo facto de passar maior parte do seu tempo compondo e cantando.