Moçambique Mozambique Music Awards 2011: Vencedores e Análise

Mozambique Music Awards 2011: Vencedores e Análise

COMPARTILHE
A gala que premeia os artistas moçambicanos aconteceu nesta sexta-feira e foi transmitida ao vivo na TVM e nos primeiros minutos pareceu que fossemos ter uma gala melhor em ralação às duas anteriores, que foram um festival de erros técnicos e de falta de preparo do Staff, nem o bom humor do próprio anfitrião conseguiu tapar os vários furos que tivemos lá. Mas essa impressão foi logo dissipada quando a TVM, sem nenhum aviso prévio, tirou do ar a gala para dar lugar ao programa religioso Mais Jovem.
Bom, ainda sem uma explicação clara, a gala passou na íntegra no sábado em reprise sem edições e nem cortes, ou seja, os erros que poderiam ser cortados foram ao ar novamente.
Uma das partes negativas do Show foi a falta de inscritos (muitos artistas que estiveram no ano passado não voltaram este ano, uma vez que os artistas tem que se inscrever para serem nomeados) outro ponto a destacar foi a massiva ausência dos nomeados (cuja maioria foi representada por amigos ou familiares desconhecidos no meio artístico).
Bom Abaixo Vai a lista com as categorias e os respectivos prémios:
Melhor Música Ligeira: Liloca e Ta Basile (Empate)
Melhor Música Tradicional: Unidade Nacional – Djaka
Melhor Fusão/Jazz: Histórias de 912
Melhor Afro/Tropical: Júlia Duarte
Melhor Produtor: KrazyBeatz – Caí de 4
Melhor vídeo: Longa Espera – Dama do Bling
Melhor Hip-Hop: Disco Duro – 3H (?)
Melhor R&B:  Especial – G2 & Mi-Mae
Premio Carreira:  Xidiminguane
Pop/Dance: Mas Porquê – Romeu Pascoal
Pop Rock: Amor e Poemas – Gonzo.
Melhor Animador de Rádio: Afro Chinês: Retratos
Melhor Programa Musical (TV): Moçambique em concerto
Melhor Programa Musical (Radio): Retratos
Melhor Animador de Programa de Musical (TV): Gabriel Jr.
Álbum Mais Vendido: Neyma 10 Anos – Neyma
Melhor Duo ou Grupo (Que na verdade deveria ser melhor colaboração): Especial – G2 e Mi-Mae
Video Mais Popular: Anonimos – Gozno (De que ano é este vídeo mesmo?)
Album do Ano: Momento2 – G2
Artista Mais Popular: Dama Do Bling
Melhor Artista Feminina: Dama do Bling
Melhor Artista Masculino: G2
Musica Mais Popular: Afro – Iveth & Mi-Mae
Bom, provavelmente os critérios para as nomeações tenham mudado porque senão o 3H não poderia estar lá pois a música com a qual concorreu é do Álbum da Gpro que foi lançado antes da gala do ano passado, o mesmo Álbum de onde saiu a música Karaboss do 2 Caras que esteve entre as nomeadas no ano passado. Ainda não escutei o Álbum do G2 mas quero acreditar que a música Especial esteja no Álbum senão a situação do G2 seria a mesma do 3H pois essa música está presente no Álbum da GPro do ano passado.
A gala também teve seus toques de esquisitice, uma delas foi a de cada apresentador das categorias anunciar 2 categorias, com tantas figuras no nosso país…
Boa parte dos nomeados e até mesmo os vencedores assim como suas músicas não são muito conhecidas pelo público, o que fez com que a gala fosse mais esquisita do que já era.
Essa bagunça toda se deve ao facto de os artistas terem a possibilidade de eles mesmos se inscreverem e o povo vota com a possibilidade de uma só pessoa mandar um milhão de SMS´s e todas elas serem contabilizadas.
Em meio a tantos momentos vergonhosos tivemos as divertidas intervenções do Humorista Mario Mabjaia que constituíram na verdade a melhor parte da Gala.
Em geral a gala foi a pior de todas, não só pela organização, mas também pelo quesito espetáculo (que foi fraquíssimo) e pelas várias surpresas negativas que tivemos no que concerne aos vencedores.
Os organizadores do evento DEVEM rever os critérios de nomeação e PARAR com essa brincadeira de voto por SMS e encontrar uma forma mais limpa de gerar receitas porque o resultado vai ser sempre insatisfatório para todos.

COMENTE PELO FACEBOOK

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA