Textos Pensamentos de um Forever Alone

Pensamentos de um Forever Alone

COMPARTILHE
Pensamentos de um Forever Alone

Ultimamente tenho me sentido o Shrek, tenho coração bom, mas ninguém me quer Acho que peguei a cor do Hulk! Irónico, já não sou Pinóquio, nem penso em trapalhadas do Lobo Mau. Quisera eu se olhassem pra mim como Superman, posso até não chegar aos pés dele, mas tenho a determinação do Spideman. Vida minha, por onde anda a minha Branca de neve? Ou será Ariel?

Saudades dos tempos, em que as relações eram com Pokemons’s, porque quando eu chorava, algum Pikachu limpava-me as lágrimas. Hoje em dia, pessoas são como o Joker. Lá se foi a fidelidade dos 3 Porquinhos.

O mais engraçado, quando estamos comprometidos, somos perseguidos por raparigas “possuidas” pelo espirito do Tom, é preciso muita coragem pra ser fiel, há que ser um verdadadeiro Jerry. Mas cansei, Arriba! Arriba! Vou concretizar meus sonhos ao passo de Speed Gonzales, só Deus sabe o que o futuro me reserva, estou disposto a subir a floresta mágica, e desencantar a minha Bela Adormecida, tomara que seja humilde como a Gata borralheira, e com um coração de criança como a Sininho. Como diz a Emília do Sítio do Pica Pau Amarelo, faz de conta que.. se não acontecer, irei à Rua Sésamo, sentarei com o Ferrão, e direi orabloas, o mundo é tramado!

Profile photo of Chil Emerson David
Emerson David de A. Chiloveque, 24 anos de idade, nacionalidade moçambicana. Estuda Relações Internacionais e História, em Tula, Rússia. Assumiu-se escritor amador há 2 anos. Chil escreve contos, crónicas e artigos para jornais e blogs. Enamorado pela arte, Chil encontrou na escrita a paz que precisa para contribuir para o desenvolvimento e enriquecimento cultural da humanidade.

COMENTE PELO FACEBOOK

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA