Joaquim Veríssimo

Joaquim Veríssimo

Joaquim Veríssimo (caia, 13 de maio de 1959 ) é um jurista e político moçambicano. Vice-Ministro da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos desde 19 de Janeiro de 2015.

Vida pessoal de Joaquim Veríssimo

Nasceu a 13 de maio de 1959 no distrito de caia, província de Sofala. É filho de Veríssimo Fianda e de Chanaze Bueza.

Joaquim Veríssimo fala Cisena, Português, Inglês, Francês e Alemão.

Educação de Joaquim Veríssimo

Na cidade da Beira, Joaquim Veríssimo frequentou o nível médio geral na Escola Secundária Samora Moisés Machel, entre 1984 e 1985, e, de 1990 a 1993, fez o grau de Bacharelato em Geografia pela Universidade Pedagógica-UP, ambos na cidade da Beira, província de Sofala. Entre 1994 e 1998, obteve licenciatura em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Brasil. Durante esse período foi observador internacional das eleições gerais no Brasil. Veríssimo concluiu o curso de Formação de Professores Primários em Inhamizua, província de Sofala, em 1977. Em 1983, teve a formação de Dirigentes de Educação para a Direcção do Ensino e Aprendizagem no âmbito do Sistema Nacional de Educação, na antiga República Democrática Alemã

Carreira Profissional de Joaquim Veríssimo

Carreira Profissional de Joaquim Veríssimo

Em 1990, fez o curso de trainning Design and Management no Reino Unido. Em 1997, participou nos cursos de Arbitragem e Reconciliação, de Observador Internacional das Eleições Gerais e de registos de Imóveis. Em 2007, fez parte do Seminário sobre o Decreto n.º 54, na Faculdade de Direito da UEM e, em 2008, esteve presente na Conferência Internacional sobre a Logística Portuária em Johannesburg, cidade sul-africana. Veríssimo possui uma longa experiência profissional, tendo desempenhado vários cargos, na sua maioria exercidos na província de Sofala, nos casos de funções de Professor e Director do EP1 e da Zona de Influência Pedagógica (ZIP), em Canda, Distrito da Gorongosa, de 1978 a 1981.

Em 1982 foi Chefe do Gabinete Provincial da Divulgação das Linhas Gerais do SNE (Sistema Nacional de Educação), em Sofala. Entre 1984 e 1988, foi Chefe da Educação da cidade da Beira. De 1988 a 1996, Veríssimo trabalhou como perito em desenvolvimento da Força de Trabalho no Gabinete do Corredor da Beira.

Entre 1998 e 2000, assumiu o cargo de Assessor Jurídico dos Caminhos de-Ferro de Moçambique, Zona Centro. De 2000 a 2010, trabalhou como Director Executivo dos CFM-Centro, com a função de gerir os Recursos Humanos, Materiais e Financeiros das províncias de Sofala, Manica, Tete e Zambézia, no mesmo período, Veríssimo exerceu cumulativamente as funções de Presidente de Mesa da (CCFB) e de membro da Comissão de Desenvolvimento da Força de Trabalho na SADC.   No período de 2010 e 2012, foi Deputado da Assembleia da República, Membro da Comissão Permanente e representante dessa mesma comissão no PNUD. Exerceu o cargo de Governador da província da Zambézia, entre 2012 e 2014, e nomeado Vice-Ministro da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos, em 2015.

Advertisements

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here