9 técnicas de emagrecimento não saudáveis

Para emagrecer se forma saudável é necessário que o nosso corpo gaste mais calorias do que consome. Uma prática ideal é ajustar hábitos alimentares e praticar actividades físicas. Mas, geralmente o que acontece é que a maior parte das pessoas que pretende perder peso e diminuir as gordurinhas não se importa muito com os meios para alcançar a meta, o que conta mesmo é ter o corpo perfeito só isso. Os 10 erros mais comuns são:

1. Optar por dieta zero calorias

O maior erro desta dieta consiste no facto de você achar literalmente que o corpo não precisa de gorduras. Infelizmente o corpo precisa dessas calorias. A cada refeição (calórica), você garante que o metabolismo esteja funcionando. Logo, parar de comer não resolve absolutamente nada.

2. Treinar sem se alimentar

Praticar exercício de estômago vazio não é uma boa opção para perder peso. Trabalhar o corpo sem se alimentar antes, faz com que as calorias queimadas venham dos músculos e não directamente da gordura. Treinar depois de você se alimentar faz com que seu corpo aguente maior intensidade.

3. Pular refeições

Pular uma refeição, como matabicho, almoço ou jantar, pensando que você vai comer menos e emagrecer, é um erro bastante comum, mas infelizmente o efeito é o oposto. Ficar muitas horas sem comer nada deixa o corpo com falta de energia e sem nutrientes essenciais para o seu bom funcionamento.

4. Cortar totalmente os carbohidratos

Os carbohidratos como pães, massa, arroz, batata, mandioca, devem estar presentes em pelo menos duas das três principais refeições do dia, já que eles que fornecem a única fonte de energia usada pelo cérebro e pelos músculos. Portanto, cortar totalmente os carbohidratos não é uma boa opção. O ideal é comer menos carbohidratos, diminuindo as doses em cada refeição.

5. Induzir vómitos

Vomitar de propósito causa danos a própria saúde. O acto de vomitar pode ser tanto um sintoma da bulimia, e pode levar a um aumento de vontade de comer doces. O método de vomitar cria uma ilusão que não há mais fome, mas as calorias daquele alimento foram todas jogadas no lixo. Esse método prejudica o metabolismo.

6. Dormir com fome

O jantar muitas vezes é visto como um vilão por aqueles que querem emagrecer. É bastante comum o jantar sendo substituído por lanches, frutas, chás ou salada. Dormir com fome pode prejudicar o sono e fazer você acordar com muita fome, por isso que as chances de houver exagero no matabicho ou em outras refeições são maiores.

7. Ingerir só líquidos

Nenhum alimento funciona por si só. É necessário consumir alimentos nutritivos e proteínas, saladas, frutas, legumes entre outros. Uma dieta composta por líquidos apenas (água, chá, suco verde ou sumo de frutas) certamente é uma dieta desequilibrada, não resultará em um emagrecimento saudável.

8. Fumar cigarro

O cigarro é um artifício usado para suprimir a fome. Como funciona? O cigarro envia via sistema vagal sinais ao sistema nervoso central que aumenta a taxa metabólica e consequentemente reduz a fome. Este método é prejudicial a longo prazo, causa danos a saúde e não é ideal para quem deseja emagrecer.

9. Treinar além do necessário

Quando o corpo está com baixa ingestão de nutrientes, você deve moderar nos treinos. Aumentar a intensidade dos exercícios pode resultar no aumento de cortisol e catecolaminas, hormónios directamente ligados ao estresse, fazendo o corpo acumular peso com mais facilidade. Treinar por mais da conta não é um bom método para quem deseja emagrecer.