A melhor dica para você lavar bem a sua vagina e deixá-la...

A melhor dica para você lavar bem a sua vagina e deixá-la a cheirar bem

A mulher limpa gosta de si.

O órgão genital feminino é mais complexo em comparação ao masculino e requer maiores cuidados higiénicos para que esteja em melhores condições de saúde e apresentação.

É do seu melhor interesse manter a vagina livre de qualquer odor, por isso trouxemos algumas dicas para ajuda-la no processo.

Como lavar bem a vagina

Higiene

A ideia nem é lavar a vagina (o canal que recebe o pénis e pelo qual saem os bebés), mas sim lavar bem a vulva (a parte externa, área entre a púbis e o períneo), e existem diversas maneiras utilizadas pelas mulheres para lavar, porém, nem todas ficam tão limpas ao ponto de se recomendar a técnica utilizada. Essas técnicas podem ser tradicionais ou convencionais.

É stressante lavar o órgão todos os dias, e quase a toda hora (se for isso), e continuar a cheirar mal. Quando assim é, pode ser que haja algum problema de outros órgãos do corpo exalando o mau cheiro, ou mesmo a má higienização.

Antes de indicar a melhor maneira de lavar a vulva vê-se necessário saber qual é a importância de mantê-la bem limpa e mais atractiva!

Importância de fazer uma boa lavagem da vulva

mujer-desnuda-cubriendose-con-una-flor

A melhor maneira de uma mulher cuidar da saúde é higienizando devidamente o seu corpo, principalmente, a área genital, a mais sensível. Esta área húmida e quente, alberga inúmeras bactérias quando não é bem cuidada, e isso pode causar doenças, fedor, baixa auto-estima, e até mesmo o desmoronamento do relacionamento (se estiver em algum). Daí, convém rever constantemente os hábitos de higienização da área genital para uma melhor saúde e bem-estar.

Os materiais necessários para proceder à lavagem

Baldinho (ou qualquer outro utensílio para colocar a água, mesmo se toma banho de chuveiro).

balde

 Dois panos de algodão (um para esfregar e outro para enxugar).

Panos

Sabão ou sabonete pouco cheiroso (estes devem conter um pH – o índice de acidez – que não alteram o pH da vagina, ou devem ser neutros).

sabao

Água morna

balde-cheio

Nota: Os detergentes são opcionais. Se for a utilizá-los devem ser próprios para si.

O procedimento da lavagem

instrucoes de lavagem vaginal

Já com os materiais prontos, agachada, com um pano ensopado de sabão e água esfregue bem as articulações superiores das pernas, a virilha, (ali onde passam as bordas das calcinhas e/ou ceroulas) e passe água. Molhe os dedos e parte da palma da mão com água e sabão – se preferir humidifique também a vulva. Puxe os grandes lábios (um de cada vez) e, delicadamente, esfregue a parte interna entre eles e os pequenos lábios, movimentando os dedos de cima para baixo sem roçar o clítoris (jamais faça o contrário). Repita o movimento várias vezes em ambas partes. Ainda com a mão enxugada, cuidadosamente, puxe um pouco os pequenos lábios  e massajei-os (sempre de cima para baixo), e não deixe a água penetrar no canal vaginal. Em seguida, dê uma leve passagem na superfície da abertura vaginal girando os dedos. Sempre que necessário passe água para retirar o excesso de sabão. Lave toda a vulva, ou seja, desde a parte do púbis até ao períneo (a área entre a vagina e o ânus). Se estiver num local onde possa lavar o ânus, lave-o também.

Advertência:  De modo a evitar contaminação com bactérias anais, não introduzir o(s) dedo(s) na vagina, e jamais lavar a vulva fazendo movimentos de traz para frente. A vagina é muito sensível, então, convém fazer movimentos delicados, sem pressa. Está em jogo a saúde.

Como eliminar o fedor da vulva e da vagina

O fedor causa arrepios. E se você for uma daquelas pessoas que gosta que a façam sexo oral, acredita, poderá ficar sem ele. Mas quando o órgão de baixo cheira a almíscar há vontade para 'devorá -la' toda a noite.
O fedor causa arrepios. E se você for uma daquelas pessoas que gosta que a façam sexo oral, acredita, poderá ficar sem ele. 

O órgão genital feminino é semi-externo e semi-interno com um orifício chamado canal vaginal ou, simplesmente, vagina. Este local é a porta de recepção de (pénis, instrumentos de análise e medicamentos) e de expulsão de (sangue menstrual e outras secreções).

O facto de a vagina ser fechada e quente faz com que tenha um cheiro peculiar, diferenciando de mulher para mulher (para quem tem pénis a dica é a mesma). Esse cheiro é característico e a mulher pode distingui-lo que qualquer outro. E, quando o cheiro é diferente e fedorento deve-se procurar imediatamente um médico especialista no assunto, o médico ginecologista.

A verdade é que o mau cheiro não é bem-vindo. Então, para evitar constrangimentos pessoais, conjugais e sociais, veja como cuidar do órgão genital feminino.

Depilação

A depilação deve ser cuidadosa de modo a que evite ferimentos e outros tipos de lesões. Procure deixar um pouco de pelos, porque também ajudam a impedir a entrada de algumas bactérias e fungos (a forma biológica de protecção).
A depilação deve ser cuidadosa de modo a que evite ferimentos e outros tipos de lesões. Procure deixar um pouco de pelos, porque também ajudam a impedir a entrada de algumas bactérias e fungos (a forma biológica de protecção).

Isso mesmo! Depilar e deixar toda área bem limpa é a primeira atitude, isto porque dá bom aspecto, favorece a circulação de ar na zona, eliminando, consequentemente, o calor, impede a proliferação de fungos e bactérias, e permite uma lavagem adequada.

depilacao

Lavar uma ou duas vezes ao dia

agua

Yes! A vagina não é uma ‘louça suja’ que deve ser lavada sempre da mesma maneira para ficar impecavelmente limpa. Quem lava mais de duas vezes ao dia tem maiores chances de tonificar o fedor, e aí…! O que a mulher deve fazer é descobrir tempos certos (durante os banhos, preferencialmente) nos quais sempre fará a lavagem indicada. Evitando urinar constantemente e em locais públicos previne-a de varias infecções. Mas se tiver que urinar deve levar consigo um pano/lenço de algodão humedecido ou toalhete – não usar sempre, pois elimina gordura protectora da vagina.

Roupa interior de algodão

algodao

Sim sim! Toda a roupa que for de algodão é óptima, e por isso recomenda-se uso de calcinhas de algodão e com alguns foros.

Outras dicas: Não utilizar cosméticos perfumandos na área genital; não por calcinhas molhadas; não limpar com papel higiénico rugoso; comer iogurte; comer pouco pão; evitar roupa muito apertada; e , evitar tomar banho com água muito quente.

24 COMENTÁRIOS

  1. Seria bom ilustrarem algumas partes da vagina referenciadas no texto com fotografias. Ate podiam se usar setas para indicar os movimentos aconselhados! Boas dicas!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here