É bom ser vegano?

É bom ser vegano?

Ser vegano é bom?

Dietas veganas são conhecidas por ajudar as pessoas a perder peso. Porém, eles também oferecem um conjunto de benefícios adicionais para a saúde. Por exemplo, há indícios que uma dieta vegana pode ajudar a manter um coração saudável e também pode oferecer protecção contra a diabetes do tipo 2 e certos tipos de câncer. Entretanto, há de fato uma sustentação plausível para este tipo de dieta ou estamos falando de algo que está somente na moda e parece ser politicamente correto? Faremos um contrapeso entre a dieta vegana e uma dieta baseada na ingestão de produtos animais.

Nutrientes

Mudar para uma dieta vegana significa eliminar do consumo carne e outros produtos animais. Isto inevitavelmente acarretará em uma maior dependência em outras comidas. No caso de uma dieta vegana baseada em alimentos integrais, as substituições alimentares vêm através de grão integrais, frutas, vegetais, sementes, nozes, ervilhas e grãos de feijão. Entretanto, é importante frisar que nenhuma dieta vegana sustentou nenhuma cultura tradicional, isto é, se tomarmos como base algumas culturas, tanto ocidentais, quanto orientais, vamos, de fato, perceber a ingestão de alguns alimentos que cairiam bem em uma dieta vegana, como o consumo de grãos de feijão e vegetais pelos brasileiros ou de arroz pelos japoneses. Estas culturas, porém, não descartam o consumo de carnes, laticínios e outros alimentos de origem animal.

Dores , Imunidade e Hormônios

Alguns estudos apontam que uma dieta vegana tem efeitos positivos em pessoas com diferentes tipos de artrite. Um estudo empírico aponta que há diferenças nos níveis de energia e no melhor funcionamento, em geral, do organismo de algumas pessoas que fizeram uma dieta vegana em comparação àqueles que não modificaram sua dieta e a mantiveram com base em produtos animais. Outros estudos indicam que veganos obtiveram uma grande melhoria em sintomas como dor, inchaços nas articulações e rigidez matinal em comparação aos que não veganos. Entretanto, as dietas veganas carecem de prover algumas vitaminas, como as vitaminas A, D e K2. As vitaminas A e D são essenciais para a digestão, equilíbrio e hormônios e regulagem do sistema imunológico e, mesmo que alimentos veganos ofereçam um precursor de vitamina A, as verdadeiras vitaminas A e D são unicamente encontradas em alimentos animais, como ovos pasteurizados e fígado. Já a vitamina K2 contribui para o fortalecimento dos ossos por facilitar o transporte de cálcio até eles.

Uma dieta vegana pode, sim, trazer uma série de benefícios para sua saúde. Entretanto, sabe-se que há uma limitação quanto algumas fontes de nutrientes na dieta vegana, visto que eles são incapazes de fornecer algumas vitaminas essenciais para o corpo humano. Dito isto, até que se tenha maiores resultados de estudos sobre estes assuntos, uma dieta vegana pode trazer alguns benefícios a você com relação a maior diversidade de alimentos ingeridos em sua dieta. Livrar-se totalmente do consumo de produtos animais pode não ser uma boa ideia, mas a diminuição do consumo de alguns alimento, como a ingestão de carnes, pode ser controlada e feita de forma mais ética, sem que este alimento deixe de existir em sua dieta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here