Valentina Guebuza casou-se em regime de separação de bens

A filha do presidente da República de Moçambique, Valentina Guebuza contraiu matrimónio este sábado com Zófimo Mauiane, funcionário da empresa de telefonia móvel mCel, onde desempenha as funções de Chefe do Departamento de Marketing.

O casamento contou com cerca de 1700 convidados, destacando-se a presença de Jacob Zuma, presidente Sul-Africano, Rei Mswati III da Suazilândia, Isabel dos Santos, filha do presidente Angolano, Joaquim Chissano, antigo estadista moçambicano, altos quadros do governo, diplomatas, amigos e familiares dos noivos.

casamento-valentina-guebuza-30

Para a cerimónia, que para a maioria dos que passam  por ela é a mais importante das suas vidas, a noiva trajava um vestido confeccionado num atelier de luxo em Londres sem muitas extravagâncias, mas notável pelo seu requinte. Já o noivo usava um terno preto moderno e uma gravata cinzenta.

Realizado sob o regime de separação de bens, medida que é vista como sendo para a protecção dos bens da família Guebuza, o casamento foi celebrado na Igreja Presbiteriana de Moçambique (também conhecida por Missão Suíça), paróquia de Chamaculo em Maputo, depois que se seguiu para a Quinta-Beija Flor para a cerimônia de copo de água.

Artigo anteriorCasamento do Ano: Chegada de Valentina Guebuza à Igreja
Próximo artigoComo a Cooperação e o Engajamento Chinês Ajuda a África a Desenvolver?